Visita Extraordinária ao Porto: presença próxima e fraterna

O Pe. Gildásio Mendes, Conselheiro Geral para a Comunicação Social, fez a Visita Extraordinária à presença salesiana do Porto entre os dias 16 e 21 de abril. Durante esses dias teve a oportunidade de se encontrar com os Salesianos, grupos da família Salesiana, Centro Juvenil, com os leigos que trabalham no Colégio, Editora, Livraria e Casa Juvenil.

No início da visita, o Pe. Gildásio reuniu com o Pe. Rui Alberto, sdb, diretor editorial das Edições Salesianas e Delegado Nacional da Comunicação Salesiana, o Pe. Gabriel Andrade, sdb, que desde há três meses colabora na obra Cavaleiro da Imaculada, e os colaboradores da editora salesiana. No encontro, privilegiou o diálogo e a troca de opiniões e partilhou as suas intuições sobre o que deve orientar a editora salesiana portuguesa.

Na escola, deu o “bom-dia” aos alunos através de videoconferência e passou depois por cada uma das salas. E como se tinha dito que o Pe. Gildásio era brasileiro até houve uma menina do 1.º Ano que lhe perguntou: como é que chegou do Brasil até aqui tão depressa?
Houve ainda oportunidade para visitar os diferentes espaços onde se desenrola a atividade desta obra salesiana e também para dar um salto até Balasar para se encontrar com o grupo local de Cooperadores e conhecer alguns lugares por onde passou a Beata Alexandrina Maria da Costa. 

Aproveitando a presença do Conselheiro Geral para a Comunicação Social, fez-se também a apresentação do livro: “Pais que rezam”, da autoria do Pe. Rui Alberto.

Agradecemos ao Pe. Gildásio a presença próxima e fraterna e as palavras de animação e governo.

Infelizmente a intensidade do programa dos dias da visita não permitiu ao Pe. Gildásio visitar e conhecer melhor a cidade e o seu, e nosso, património. “Lá na leal cidade donde teve origem (como é fama) o nome eterno de Portugal”.

Leia também  Reunião de Delegados Europeus: Barcelona “Capital” da Pastoral Juvenil Salesiana

Artigos Relacionados