Cabo Verde: Semana missionária em Santo Antão

No terceiro domingo de fevereiro, dia 20, a comunidade de Cabo da Ribeira, Paúl, na Ilha de Santo Antão, celebrou a Festa dos Pastorinhos de Fátima, padroeiros da comunidade. No espírito destas celebrações, o pároco de Santo António das Pombas, o Pe. José Júlio Fortes, convidou os Salesianos a serem parte integrante dessas celebrações e assim se proporcionou uma semana de Missão entre os dias 15 e 21 de fevereiro.

A semana começou com uma visita à pequena comunidade das Fontainhas, aldeia considerada pela revista National Geographic como tendo uma das melhores vistas do mundo. Ali foi celebrada a Eucaristia, concelebrada pelo Pe. Celestino da Costa, sdb. Seguiu-se um convívio fraterno com a população.

Nessa mesma tarde, a visita à povoação de Cabo da Ribeira permitiu um encontro de preparação da Festa dos Pastorinhos. Mais uma vez celebrou-se com entusiasmo a Eucaristia, presidida pelo Pe. Celestino e seguida de confissões.

Ao longo da semana o Pe. Celestino assumiu muitas das funções do pároco o Pe. José Júlio Fortes, ausente em retiro. Para além das Missas diárias na Igreja de Santo António das Pombas, e de outros trabalhos em diferentes locais da paróquia, também na comunidade de Janela foi assegurada a Missa semanal. Todas estas atividades permitiram também que se desse a conhecer a estas comunidades quem são os Salesianos e qual a sua missão.

Mas, na verdade o Pe. Celestino e os Salesianos já não eram desconhecidos para muitos. A convite do Pe. José Júlio Fortes, os Salesianos têm vindo a desenvolver uma Oratório mensal nesta paróquia.

Esta semana de Missão culminou na Festa dos Pastorinhos de Fátima, no dia 20, que contou com a presença de diferentes congregações religiosas: os Salesianos, as Pequenas Irmãs Missionárias da Caridade – Orionitas e as Irmãs da Fraternidade Rainha dos Corações.

Leia também  Casa de Acolhimento dos Salesianos de Mirandela celebra época natalícia

O Pe. Celestino presidiu à Eucaristia no dia da festa e foi para ele uma grande alegria e honra poder presidir a esta comemoração na qual já tinha participado no ano passado, na altura como Diácono. Mais uma vez a ação dos Salesianos em Santo Antão foi muito frutífera e bem recebida. Ambas as partes ficaram já com saudades, mas por isso mesmo já se prepara o próximo Oratório mensal, que é sempre um momento no mês em que se vive um espírito de grande alegria e partilha.

Artigos Relacionados