fbpx

Índia: Projeto CALLS ajuda mais necessitados de Yercaud contra a COVID-19

Salesianos > Notícias > Índia: Projeto CALLS ajuda mais necessitados de Yercaud contra a COVID-19

Perante a crise sanitária, económica e social causada pela Covid-19, o Reitor-Mor, Pe. Ángel Fernández Artime, tem apelado constantemente à criatividade salesiana para que se encontrem novas formas para apoiar os mais necessitados. Cumprindo plenamente este apelo, a obra salesiana The Retreat, de Yercaud, que durante as fases mais difíceis do confinamento social e pandémico foi muito ativa em proporcionar assistência e consolo aos necessitados, inaugurou na última quarta-feira, 24 de junho, um projeto de subsistência para aqueles que, por causa da Covid-19, ficaram sem emprego.

O projeto CALLS foi criado para ajudar várias pessoas em situação de carência, que ficaram sem trabalho nas últimas semanas, na região de Yercaud, uma pequena cidade no topo de uma colina com forte vocação turística. Com a indústria do turismo ainda fechada, os níveis atuais de pobreza e fome estão no limite.

Perante esta situação, os responsáveis ​​pela obra salesiana organizaram um programa que visa capacitar 40 pessoas, homens e mulheres de várias faixas etárias, no cultivo e manutenção de hortas.

O projeto dura 21 dias e é dividido em duas fases: uma semana de formação, durante a qual os participantes aprenderão com os profissionais do setor; e duas semanas de formação prática, durante as quais os candidatos já receberão uma primeira entrada, correspondente a 300 rúpias por dia (equivalente a cerca de 3,5 euros).

O projeto garantirá aos participantes, a maior parte proveniente das comunidades tribais da região, a criação de uma alternativa para a sua subsistência. Para além de receberem uma primeira ajuda concreta para atender às suas necessidades mais imediatas, os participantes posteriormente podem fazer uso das novas ferramentas de trabalho e do diploma que receberão para ter acesso a novas oportunidades no mercado de trabalho.

“Este trabalho também se poderá tornar autónomo por algum tempo, através do cultivo de plantas em casa e venda posterior aos viveiros. O viveiro REO (Retreat Estate Organics), administrado pela obra Retreat, de Yercaud, já demonstrou interesse em comprar parte da produção; é possível que outros viveiros também se possam vir a interessar”, ressaltam os promotores da iniciativa.

O programa, coordenado pelo Pe. Arockiasamy Selvakumar, sdb, é uma iniciativa conjunta entre o Instituto para o Desenvolvimento Tribal das Colinas Shevaroy da obra salesiana Retreat, a ONG austríaca Jugend Eine Welt e a ONG BoscoNet, de Nova Déli.

Artigos Relacionados