Comunidades Educativas de Cabo Verde e de Manique celebram Maria Auxiliadora

A devoção a Maria Auxiliadora também foi assinalada pelos Salesianos de Cabo Verde e de Manique, com vários momentos de festa que animaram as duas comunidades educativas.

Em Cabo Verde a celebração de Nossa Senhora Auxiliadora incluiu várias atividades ao longo da semana de 21 e 27 de maio. Foram dias de grande festa e de enriquecimento da devoção mariana no estilo de Dom Bosco. As celebrações incluíram duas Eucaristias no dia 21, para a Família Salesiana e Amigos da Obra, presidida pelo Pe. Rui Nobre (Orionita), e para a comunidade de Eito em S. Antão, celebrada pelo Pe. Gregório Haendel. No dia 24 de maio, realizou-se uma procissão de Nossa Senhora Auxiliadora, acompanhada pelos alunos, professores, colaboradores, família salesiana e muitos dos pais dos alunos da Escola Salesiana de Artes e Ofícios de Cabo Verde.

No dia 25, solenidade de Maria Auxiliadora, o diretor, Pe. Luís Peralta presidiu à Eucaristia para toda a comunidade educativo-pastoral. A festa foi precedida por um momento preparatório onde se deu oportunidade de frequentar o sacramento de reconciliação.

O programa da festa deste ano incluiu ainda a Corrida D. Bosco, nos dias 25 e 27, com participação de alunos, antigos alunos e professores, e o concurso “A ESAO tem talentos”, com vários momentos artísticos de dança, canto, teatro e interpretação protagonizados pelos alunos.

A comunidade de Manique, juntou a celebração de Nossa Senhora Auxiliadora com o Dia Mundial da Criança.

O dia 1 de junho foi marcado pela alegria e gratidão que começou com a celebração da Eucaristia no pavilhão da escola. A celebração de ação de graças foi presidida pelo Pe. Manuel Mendes, diretor da escola, que convidou os alunos a olhar para Maria como Mãe, assim como Dom Bosco olhava, nas horas de alegria e de perigo. A Eucaristia contou com um momento de gratidão dos alunos finalistas que terminam este ano o seu longo percurso salesiano.

Leia também  Novena Mundial dedicada a Maria Auxiliadora

A presença das mascotes salesianas Dom Bosco e Nossa Senhora Auxiliadora, os jogos e as atividades lúdicas encheram de vida os pátios e toda a casa salesiana.

Artigos Relacionados