fbpx

Desafia-te a ser santo!

Salesianos > Dossiers > Desafia-te > Desafia-te a ser santo!

O mês de Novembro está marcado pelo tema da santidade e o desafio do próprio Deus: “Sede santos, porque Eu, o Senhor, vosso Deus, sou santo” (Lv 19, 2). Esta é a nossa vocação: somos chamados à santidade.

O primeiro dia de Novembro dá-nos a concretização deste desafio lançado por Deus com a celebração da Solenidade de Todos os Santos: um único dia para celebrarmos a santidade de todos, homens e mulheres, jovens e adultos, que viveram na própria vida a Vida de Deus; uma multidão incontável de pessoas que viveram ao estilo de Jesus nas mais diversas circunstâncias; homens e mulheres que fizeram do mandamento do amor e do serviço desinteressado aos outros a orientação fundamental do seu existir.

Além de ser um desafio lançado por Deus, a santidade é também um desafio a ser vivido na primeira pessoa, uma opção de cada um de nós individualmente: Eu posso ser santo! Eu quero ser santo! Eu! Sou eu, cada um de nós, com a sua idade e os seus dons, que se tem que deixar cativar por este desejo de Deus e fazê-lo seu. Deus convida-nos, mas não nos retira a nossa liberdade. Mais ainda, quando as coisas são assumidas por nós próprios, quando nascem do nosso coração, custam menos a realizar, tem outro valor para nós.

Por isso, neste mês o desafio é mesmo este: sê santo! Não olhes só para a santidade dos outros. Desafia-te a ti mesmo a ser santo, a ser espetacular, a viver bem, a ser feliz, a realizar a tua vocação. Sê santo, isto é, vive a tua vida como a aventura desafiante de te realizares plenamente. Cumprir as tuas responsabilidades, fazer tudo com alegria e de bom grado, rezar a Deus com toda a confiança, colocar os teus dons ao serviço dos outros, são algumas das formas de vivermos no dia a dia este desafio à santidade. Porque ser feliz não é uma experiência de isolamento e solidão, mas de comunidade e de relação. Aceita o desafio: decide-te a ser santo! Colocar os dons que Deus te concedeu ao serviço de todos!

Artigos Relacionados