Setúbal: Festa de S. José anima comunidade paroquial

Na tarde de sábado, 19 de março, a Paróquia de S. José de Setúbal celebrou o seu padroeiro com a Eucaristia e uma procissão pelas ruas adjacentes à paróquia. Ao final do dia, a igreja acolheu o “concerto-oração” com Claudine Pinheiro.

“S. José recebeu de Deus a confiança para cuidar os seus dois maiores tesouros: Maria de Nazaré e Jesus, seu Filho. Se Deus tanto confiou em José, como não poderemos nós confiar também?” Com estas palavras, o Pe. Tarcízio Morais motivou na homília da solene celebração o fundamento para uma celebração do “justo, humilde, incansável pai e artífice trabalhador”. S. José é um exemplo para todos os crentes num tempo “tão necessitado de escuta da voz de Deus e da realização da sua vontade”.

A tarde de sábado contou com uma atividade para crianças, adolescentes e jovens para lançar e apresentar a Jornada Mundial da Juventude de Lisboa no próximo ano. Num jardim próximo da Paróquia, procurou-se, de forma dinâmica e juvenil, com jogos, um peddy-paper e um quiz final, apresentar as linhas força de orientação e guia do que será para jovens (e não só) a próxima Jornada Mundial da Juventude. “Esta JMJ representa uma oportunidade para construir com os jovens uma ponte para a vida e a vida em Igreja que somos todos. A Igreja precisa dos jovens como os jovens precisam da Igreja. Para que sejam verdadeiros protagonistas, é preciso oferecer aos jovens um caminho de vida, em comunhão e partilha, onde todos eles possam sentir o testemunho da fé dos que há mais tempo seguem a Jesus e que com coerência e profundidade, oferecem tantos sinais, tantas manifestações da presença de Jesus nas suas vidas”, referiu o Pe. Álvaro Lago. “Por isso é tão importante oferecermos espaço e tempo para que os jovens possam compreender como é bom viver na comunidade paroquial a sua fé e a alegria da sua esperança” – concluiu.

Leia também  Salesianos de Setúbal: Paróquia de S. José orante e fraterna

Às 17h00 a comunidade paroquial encheu por completo a igreja celebrando solenemente S. José. Após a celebração teve lugar a procissão pelas ruas dos bairros adjacentes à igreja com participação significativa da comunidade à qual se foram juntando muitos outros durante o percurso da procissão.

Para terminar o dia, às 21 horas, realizou-se um “concerto-oração” com Claudine Pinheiro que ao ritmo da palavra, da música e da voz ajudou à síntese de fé e de vida que a figura de S. José pode representar no viver do cristão hoje. Muito aplaudida, Claudine recebeu os elogios dos mais de cem participantes no concerto.  

“A comunidade paroquial de S. José ficou feliz por poder celebrar de novo em festa o seu padroeiro. Há muito que era preciso dar sinais de esperança e vitalidade para vencer as dificuldades que a vida nos tem dado ultimamente com a pandemia. Tal como S. José foi grande ao ultrapassar, com silêncio e valentia, tantas dificuldades no seu viver, também hoje, a seu exemplo, queremos continuar a construir, com Jesus e Maria, uma comunidade que se supera, que se renova e que vive, hoje, os valores do Evangelho vencendo e superando as dificuldades que se vão sentindo” referiu o Pe. Tarcízio Morais, pároco moderador de S. José em Setúbal.

Artigos Relacionados