Salesianos do Estoril criam Oratório Digital Salesiano para acompanhar alunos à distância

Com propostas de atividades segmentadas por faixas etárias, os Salesianos do Estoril criaram o Oratório Digital Salesiano para responder ao desafio da interrupção das atividades letivas. Para promover o bem-estar físico, psicológico e espiritual das crianças, adolescentes e jovens, e das suas famílias, a escola preparou um programa de atividades formativas, lúdicas e recreativas, orientadas por alunos e educadores salesianos.

A educação é uma ferramenta para fazer face aos desafios. A resiliência parece ser a palavra de ordem. Neste sentido, o alarme e consequente apelo social são muito claros e os educadores devem dar primazia ao que há de mais valioso. E foi assim que, de modo carismático, em resposta ao desafio da interrupção das atividades letivas e não letivas, surgiu o Oratório Digital Salesiano.

Escola preparou um programa de atividades para o tempo de interrupção letiva

O Oratório foi assim uma resposta de proximidade aos alunos e às famílias, capaz de conferir a perceção de apoio social, promover a esperança, acalentar a alma e mobilizar recursos essenciais ao bem-estar físico, psicológico e espiritual. Inspirados pelo mês celebrativo do nosso Patrono, e procurando dar cor a um projeto que outrora já havia sido pensado, assistiu-se a uma conciliação de sinergias que nos fez acreditar que o caminho seria por aqui, replicar o Oratório de D. Bosco adaptado à realidade e necessidades contemporâneas.

“Olhar a pandemia”: um desafio fotográfico

Comandados pelo sonho de fazer mais e melhor, foram projetadas atividades nas mais variadas modalidades e áreas do saber. Aprendizagens informais, na verdadeira essência do aprender a ser Feliz.

Expressão plástica, aulas de cozinha e visitas virtuais a museus foram algumas das atividades propostas

Desporto, música, ciência, emoções, espiritualidade, artes, cozinha, redes sociais, métodos e técnicas de estudo, jogos, fotografia, entre outras, ocuparam os dias dos alunos. As atividades foram segmentadas por faixas etárias, dos 4 aos 18 anos de idade, para garantir uma maior adequação à diversidade de participantes. As interações entre educadores e participantes superaram as expetativas iniciais, reforçando a certeza de que juntos na adversidade conseguiremos ultrapassar todas as dificuldades, aprender e continuar a crescer ao ritmo do coração.

Artigos recentes

Salesianos e voluntários na vila xavante de Santa Fé dão apoio médico e alimentar
29 de Setembro, 2022Por
Comunicado
29 de Setembro, 2022Por
Canonização de Artémides Zatti: “site”, lema e logótipo
29 de Setembro, 2022Por
Timor-Leste: Alunos do Centro de Formação Dom Bosco de Comoro recebem diploma
29 de Setembro, 2022Por

JMJ Lisboa 2023
WYD DON BOSCO 23
O MJS já está a caminho da Jornada Mundial da Juventude

Saber mais

Próximos eventos

Não há nenhum item que corresponda aos seus critérios de pesquisa. Por favor, tente novamente com palavras-chave diferentes.

Artigos Relacionados