fbpx

SolSal Lisboa: O que é acompanhar?

Salesianos > Notícias > SolSal Lisboa: O que é acompanhar?

Quando exploramos o separador “Quem Somos” lemos que o SolSal tem como missão “…acompanhar e (trans)formar crianças e jovens em situação de vulnerabilidade, risco ou perigo e respetivas famílias…”. Conseguimos, contudo, compreender a plenitude do significado deste “acompanhar”? É-nos possível perceber o que implica “acompanhar”? A resposta é dada pelas vozes de duas mães de famílias acompanhadas pelo SolSal Lisboa.

São elas as famílias “Sonhar” e “Reguilas”. No SolSal Lisboa cada família escolhe uma palavra positiva que lhes fica associada. Em comum, estas mães viviam uma gravidez na altura em que iniciaram o acompanhamento no SolSal e, naquela etapa tão importante das suas vidas, atravessavam situações de maior dificuldade:

“Conheci o trabalho do SolSal numa fase muito crítica e nunca antes vivida na minha vida.”

“Sentia-me impotente e sozinha e sem dar conta o meu coração entristeceu muito e perdi forças.”

As famílias chegam ao SolSal por diferentes motivos e de diversas formas. A maioria é encaminhada pelas instituições parceiras, mas muitas outras são simplesmente aconselhadas a procurar a ajuda do SolSal. Uma destas mães recorda como deu este passo:

“Tinha e tenho por hábito ir à Igreja de Santa Isabel onde na época ia com frequência pedir alguma orientação de Deus e houve um dia que uma irmã viu os meus filhos tão sorridentes, mas percebeu que eu estava muito triste e disse-me que eu devia ir nesse mesmo dia ao SolSal tentar fazer alguma marcação para ter algum apoio e assim fiz, embora longe de entender em que consistia tal apoio.”

O apoio que esta mãe refere é traçado de forma próxima e cuidada com cada criança, jovem e família. E, por isso, cada caminho é também diferente e especial. O afeto é a variável constante.

“No SolSal eu e a minha família participamos em várias atividades como os encontros com as famílias, as atividades para as crianças, entre outras. Outros apoios como o acompanhamento psicológico ajudaram e encorajaram-me a acreditar que conseguiria reerguer-me e não perder a fé e a esperança de organizar os pensamentos e vencer os conflitos que tinha naquela fase tão difícil e nova.”

“Comecei a ter acompanhamento psicológico e a ter um precioso apoio em bens alimentares e de higiene. Aos poucos as coisas iam melhorando, obtive apoio na procura de creche para as crianças e de trabalho para mim e aos poucos deixei de me sentir tão sozinha. Participei pontualmente em voluntariado, reuniões de parentalidade e workshops. Deu-me muita força porque me permitiu conhecer pessoas maravilhosas que para mim serão sempre um exemplo de superação e de coragem. No final de 2019, a minha família ganhou uma mentora, que é uma pessoa adorável que nutre os meus filhos de amor e afeto e que tem um coração do tamanho do Mundo.”

São também palavras de afeto as que as famílias fazem chegar ao SolSal, como as destas duas mães:

“Eu e minha família somos imensamente gratos a toda a equipa SolSal que tão bem cuida de nós.”

“Palavras houvessem para exprimir a minha gratidão. Sei que tenho um longo caminho a percorrer, mas sei que posso contar com o SolSal e toda a sua fantástica equipa de profissionais”.

“CUIDAR” NO “CAMINHO”… É o “acompanhar” na voz das mães das famílias “Sonhar” e “Reguilas”.

Próximos eventos

  1. Verão MJS 2020

    20 Julho - 24 Julho

Artigos Relacionados