“Missão País”: Jovens universitários em missão em Aljubarrota

Este ano, a “Missão País” contou com 63 missões a nível nacional que envolveram mais de 2000 missionários. O Pe. Luís Almeida, pároco e coordenador da Pastoral dos Salesianos de Lisboa, acompanhou uma das missões de jovens universitários em Aljubarrota.

Mais uma vez tive a graça de acompanhar um grupo de 45 jovens universitários do Instituto Superior Técnico que, durante a semana de 27 de fevereiro a 6 de março, viveram esta semana diferente de missão em Aljubarrota, Alcobaça.

A população acolheu de braços abertos os missionários. Foi bonito ver como a missão começou muito antes dos missionários chegarem, com o tanto que aquela comunidade rezou e ofereceu e que fez com que a semana de missão fosse um verdadeiro acontecer do Reino de Deus naquelas terras e naquelas gentes.

A missão aconteceu em lares, escolas e nas casas daquela freguesia, mas aconteceu sobretudo na vida e no coração dos jovens missionários e da comunidade. Os tempos de oração como o terço, a Missa diária e a Via-Sacra pelas ruas de Aljubarrota, mas também os tempos de convívio fraterno, marcaram estes dias com a alegria que somente o Evangelho pode oferecer.

A “Missão País” propõe-se “inspirar gerações que vivam a fé católica em missão”. Isso acontece graças à alegria e à generosidade dos tantos jovens universitários que oferecem a sua semana de férias depois dos exames do primeiro semestre para se colocarem ao serviço dos outros.

Neste tempo de pós-pandemia que vamos começando a viver, a missão foi uma lufada de ar fresco, melhor, uma lufada de Espírito Santo que chegou a todos. Como salesiano, é verdadeiramente uma alegria espiritual profunda ver como tudo isto acontece e como uma semana pode realmente transformar corações.

Leia também  25 anos do Musicentro: uma casa com música

Tal como disse o pároco de Aljubarrota na Eucaristia final, já todos aguardamos a “Missão País” 2023.

Artigos Relacionados