Curta metragem realizada por jovens de Arouca vence “Clip D. Bosco 2018”

O Festival “Clip D. Bosco 2018”, de curtas-metragens, realizou-se no dia 29 de abril, em Mirandela, inserido na 25.ª edição dos Jogos Nacionais Salesianos. O grupo de jovens do Centro Juvenil Amigos de Domingos Sávio e Clube Bosco de Arouca foi o vencedor. A curta foi realizada por Hélder Antunes e José Gonçalves, com o título “Volte-face”, e vai representar Portugal no “Festiclip”, em Lyon, França, em junho.

Além do primeiro prémio, o grupo de Arouca ganhou também o “Prémio do Público”, atribuído à curta com a maior votação de likes no Youtube.

«Não temas! Estou contigo» foi o tema a concurso que contou com a participação dos grupos dos Salesianos de Poiares da Régua – “Fé e Obras”, com o vídeo “Mateus, 28”; Salesianos de Lisboa, com a presença de gois grupos, com os vídeos “CHARTAM” e “Sempre Presente”, e das Filhas de Maria Auxiliadora da Galiza-Estoril, com o vídeo “Big Bang”. Os vídeos estão disponíveis na página do Youtube da Pastoral Juvenil em www.youtube.com/user/PastJuvSalesiana.

O Pe. José Aníbal Mendonça, Provincial dos Salesianos de Portugal, esteve presente e destacou a importância deste evento como forma de potenciar a transmissão de mensagens e do tema pastoral do ano.

Na conclusão, o Pe. Álvaro Lago, delegado nacional da Pastoral Juvenil dos Salesianos e responsável pela organização do Festival “Clip D. Bosco”, referiu a importância das artes, desde a intuição de D. Bosco, para a educação integral dos jovens. Agradeceu a todos os participantes e a todos os envolvidos naquele evento, em especial aos Salesianos de Mirandela pelo acolhimento.

No júri que avaliou os filmes a concurso estiveram Orlando Camacho, Administrador da Fundação Salesianos, Carlos Costa, diretor do Curso de Multimédia do Instituto Politécnico de Bragança, Irmã Linda Vieira, Filha de Maria Auxiliadora, Miguel Mendes, designer da Fundação Salesianos, e Raul Campeão, animador dos Salesianos de Mirandela.

Leia também  JMJ: Salesianos unidos à JMJ no Panamá e em Portugal

Artigos Relacionados