fbpx

Mensagem aos Salesianos e a todos os membros da Família Salesiana por ocasião da eleição do Papa Francisco

Salesianos > Documentos > Mensagem aos Salesianos e a todos os membros da Família Salesiana por ocasião da eleição do Papa Francisco

Por ocasião da eleição do Papa Francisco, o Reitor-Mor dos Salesianos, o P. Pascual Chávez Villanueva, transmite à Congregação e à Família Salesiana (FS) uma nova mensagem, que confirma a grande ligação dos Filhos de Dom Bosco com o Sucessor de Pedro.


Tive a graça de estar na Praça de São Pedro repleta por milhares e milhares de pessoas, especialmente de jovens, no momento em que ouvimos a tão esperada mensagem:

“Annuntio vobis gaudium magnum;
habemus Papam:
Eminentissimum ac Reverendissimum Dominum,
Dominum Georgium Marium
Sanctae Romanae Ecclesiae Cardinalem Bergoglio
qui sibi nomen imposuit
FRANCISCUM”.

Embora não mencionado entre os “papáveis” – e isto num primeiro momento causou uma certa perplexidade naqueles que o não conheciam –, o acolhimento ao Novo Sucessor de Pedro não se fez esperar: e a resposta foi um longo aplauso, expressão de uma grande alegria, acompanhada pelas primeiras aclamações: ‘Francesco, Francesco, Francesco, …. ‘

Foi mais uma vez o Espírito Santo a guiar os Cardeais na eleição do Homem que Deus mesmo havia escolhido para Vigário de Cristo.

Unido a todos vós, caros irmãos e irmãs, membros todos da FS e jovens, rendo graças e louvores a Deus pelo grandíssimo presente que Ele nos deu na pessoa do Cardeal Jorge Mario Bergoglio, Jesuíta, Arcebispo de Buenos Aires, que tive a graça de conhecer e com ele tratar pessoalmente na Conferência Geral do Episcopado Latino-Americano em Aparecida e, posteriormente, por ocasião da Beatificação de Zeferino Namuncurá.

A escolha do nome, Francisco, é significativa, porque de certo modo contém alguns dos traços mais característicos da sua pessoa – a simplicidade, a pobreza, a autenticidade – e, ao mesmo tempo, se torna programática porque realça elementos que devem hoje definir o semblante da Igreja e o seu relacionamento com o Mundo.

Antes de dar a sua primeira bênção como Pontífice, Ele nos pediu a nós que o abençoássemos. Em profundo silêncio, cada qual o fez do mais fundo do seu coração, deixando-se guiar pelo Espírito. Convido-vos agora a invocar sobre Ele a abundância dos dons do Espírito, a fim de que tenha a Luz com que discernir quanto Deus espera da Sua Igreja hoje, e encontre a energia para o concretizar.

Com espírito de fé, de grande estima e de devoção, acolhamos o Papa Francisco, como o faria Dom Bosco, e, enquanto o confiamos ao cuidado e à guia materna de Maria Auxiliadora, Lhe asseguremos o nosso afeto, a nossa obediência e a nossa mais sincera e decidida colaboração, neste tempo de nova evangelização.

P. Pascual Chávez Villanueva SDB
Reitor-Mor

Artigos Relacionados